Treinamento funcional: confira tudo sobre esta modalidade

 
balls-exercise-balls-field-533504.jpg

O treinamento funcional é algo mais antigo do que se imagina, e os benefícios desse exercício são muitos. Esta modalidade ganhou destaque e começou a ser difundido mundo afora. Hoje, o que vemos é um interesse cada vez maior em saber do que se trata e como praticá-lo.

Por isso, reunimos neste material algumas informações para que você saiba um pouco mais sobre o treinamento funcional e se encante com os benefícios que ele pode trazer para o seu dia a dia.

Confira!

O que é o treinamento funcional?

O nosso corpo é uma caixinha de surpresas, que pode criar e desenvolver movimentos capazes de nos trazer bem-estar e mais saúde.

E o treinamento funcional utiliza ações comuns que qualquer pessoa com acompanhamento de um profissional especializado pode fazer: é o puxar, o empurrar, o estabilizar, o levantar, o agachar, o arremessar, correr ou saltar. Tudo isso tem um objetivo único: melhorar a sua performance e, ao mesmo tempo, prevenir lesões, num processo de desafio, aprendizado e evolução constantes.

É bom lembrar que a capacidade funcional tem como habilidade principal o poder realizar atividades simples do dia a dia com mais eficiência, independência e autonomia. Uma das grandes vantagens desses exercícios é que eles podem ser feitos sem máquinas, apenas com o trabalho dos próprios músculos, em movimentos que fazem o corpo trabalhar de forma integrada.

O ideal é que o treinamento funcional seja praticado, ao menos, 2 vezes por semana, mas caso o aluno queira, é possível estender isso para todos os dias. A duração das aulas é entre 30 e 60 minutos, e um dos pontos importantes é o treinamento do CORE. Nesse sentido, quanto mais o aluno tiver familiaridade com o Método Pilates, melhor para os resultados.

Como é aplicado?

Antes de tudo, o professor identifica quais capacidades físicas o aluno precisa desenvolver e direciona o treinamento com a intensidade adequada para a condição física de cada aluno. Feito isso, o treinamento funcional vai estimular o corpo com um programa de exercícios integrado, que abrangem múltiplas articulações.

Esses movimentos são muito eficazes e super eficientes para o organismo. E como dissemos no tópico anterior, o treinamento funcional pode ser feito apenas com a força do próprio corpo ou com o auxílio de alguns acessórios.

Quem pode treinar

Qualquer pessoa que queira se sentir melhor para as tarefas do cotidiano. Idade também não é problema, desde que o aluno esteja sempre acompanhado de um profissional especializado durante os exercícios.

Quem é sedentário também pode praticar o treinamento funcional, mas, nesse caso, é necessário um período de adaptação para chegar a dinâmica ideal dos exercícios. Porém, com dedicação e comprometimento, em pouco tempo será possível ter um excelente treino.

Benefícios

São muitos os benefícios do treinamento funcional, destacamos os mais interessantes:

  • Melhora a performance em esportes;

  • Aprimora e facilita as atividades do dia a dia;

  • Fortalece os músculos;

  • Melhora a flexibilidade, agilidade, equilíbrio e coordenação motora;

  • Melhora a postura;

  • Ajuda no condicionamento cardiorrespiratório;

  • Auxilia no emagrecimento;

  • Aumenta a consciência corporal;

  • Alivia o estresse;

  • Previne lesões.

Funcional e Pilates

O treinamento funcional é um ótimo complemento ao Pilates e deve ser praticado em paralelo ao método, nunca ao mesmo tempo. Isso porque eles são duas atividades diferentes que, se misturadas, anulam um o benefício do outro. Portanto, o primeiro passo é intercalar os exercícios de ambas as atividades, realizando as modalidades em dias alternados.

Agora para entender melhor a relação com o Pilates, vamos relembrar os seis princípios básicos do método: concentração, respiração, controle, centralização, precisão e fluidez. Desse jeito, ao preparar e desenvolver o controle do corpo, o Pilates ajuda qualquer pessoa a executar os mais variados movimentos. Para o treino funcional, por exemplo, um dos grandes benefícios é a prevenção de lesões durante a prática dos exercícios.

Aliando os princípios do Pilates com o recrutamento da musculatura estabilizadora, o power house ou os músculos do core, como chamamos no funcional, você terá um correto e importante alinhamento corporal para uma execução perfeita dos exercícios. E unir tudo isso ao objetivo do treinamento funcional, você terá um treinamento eficiente e com ótimos resultados.

Então, nada melhor do que contar com o Treinamento Funcional e o Pilates para treinos mais dinâmicos, eficazes e que tragam muito mais bem-estar aos alunos.