O benefícios do Low Pressure Fitness (LPF) para a sua saúde

 

Dia a dia corrido, estresse no trabalho, má alimentação e postura errada — principalmente em frente ao computador: se você se encaixa nessas situações, já deve ter sentido ao menos uma vez algum tipo de dor ou desconforto lombar. E o resultado não é novidade: vícios posturais que geram alguns danos à nossa saúde.

No mundo ideal, sabemos da necessidade de estarmos sempre atentos à postura, às horas relaxamento e de colocar o nosso corpo em movimento. Mas nem sempre somos tão disciplinados, não é mesmo?

O método Pilates e o LPF (Low Pressure Fitness) podem ser aliados na prevenção de lesões posturais e no cuidado geral da saúde e do bem estar. Temos falado sobre os benefícios do Pilates, método que tem mudado a vida de muitos dos nossos alunos para melhor, e que pode ser combinado com exercícios, como o LPF.

O Low Pressure Fitness é um sistema de treino postural que ajuda a melhorar o desconforto lombar, pois tonifica a musculatura profunda dessa região, até mesmo após um curto período de prática. O treino também é conhecido como o exercício da Barriga Negativa e também é muito procurado por quem quer perder medidas.

Então, para mostrar a você um pouco mais sobre o LPF e todas as vantagens que ele pode trazer à sua saúde e bem-estar, vale falarmos dos benefícios do sistema. Confira!


O que é o LPF

O sistema LPF é baseado na técnica hipopressiva, ou seja, um tipo de exercício que tem como foco principal a contração do abdômen, promovendo um estiramento das fáscias, que são os tecidos que envolvem grupos musculares, músculos, nervos e vasos sanguíneos.

Além disso, a técnica também promove uma reeducação respiratória, melhorando o seu sistema de estabilização central, normalizando a pressão intra-abdominal e o tônus muscular basal, que é o estado do músculo em repouso. Os principais objetivos do LPF são:

·         Tonificar a musculatura abdomino-perineal;

·         Melhorar a postura;

·         Prevenir todo tipo de hernias (abdominais, vaginais etc.);

·         Regular e/ou melhorar os padrões respiratórios;

·         Prevenir e/ou reduzir os sintomas de incontinência;

·         Prevenir lesões articulares e musculares;

·         Proporcionar uma eficaz proteção lombo-pélvica.

Para quem ele é indicado

É verdade que muitas pessoas usam o LPF para fins estéticos, como a perda de circunferência abdominal e medidas mais enxutas.

Porém, a prática dos exercícios vai muito mais além da parte estética. Ela traz melhorias na qualidade de vida de quem sente dores na coluna, sofre com incontinência urinária e fecal, tem problemas de constipação e é ainda muito indicado para a melhora do condicionamento e preparamento físico de atletas de alto rendimento.

A melhor forma de começar a praticar o LPF é com o suporte de profissionais da área da saúde, certificados internacionalmente para atuarem com a metodologia do Low Pressure Fitness. Entre eles, por exemplo, estão fisioterapeutas e educadores físicos.

LPF + Pilates

É importante saber e entender que o LPF e o Pilates são diferentes e complementares. No Pilates, por exemplo, trabalhamos os seus seis princípios - a fluidez, a respiração, a concentração, a precisão, o controle e a centralização - , este último uma ação frequente e   voluntária dos músculos do CORE, que é a musculação profunda do abdômen. O LPF também utiliza exercícios posturais e respiratórios, porém, associados às técnicas hipopressivas.

Resumindo: as duas técnicas são eficazes para o seu bem-estar, mas cada uma delas utiliza sua própria metodologia e são complementares para alcançar alguns objetivos em comum, como ter uma ótima qualidade de vida e melhorar a saúde da coluna.

É bom aproveitar o assunto para ressaltar um detalhe importante: apesar de serem complementares, LPF e Pilates não devem ser praticados ao mesmo tempo. O ideal é que você tenha um momento separado para cada tipo de exercício, o que potencializa também seus resultados.

Por fim, gostaria de reforçar o quão vantajoso é praticar o LPF. Só para você ter uma ideia, além dos benefícios que eu já citei, outros conseguidos ao longo do tempo são:

  1. Melhora na circulação;

  2. Melhor funcionamento do seu intestino;

  3. Ótimo na recuperação pós-parto;

  4. Combate a insônia;

  5. Melhora no desempenho sexual;

  6. Aumento também da capacidade cardiorrespiratória.

Em poucas semanas de prática você já sentirá uma grande diferença no seu corpo. Experimente!

O Global Pilates é uma referência no Método Pilates e a Unidade de Natal (RN) oferece a modalidade Low Pressure Fitness (LPF), como prática complementar, aos seus clientes.

 
PraticarGlobal Pilates